quarta-feira, 2 de julho de 2014

Organizando a minha Lavanderia - OMO

Não sei de cheguei a falar sobre o meu projeto para a partir deste mês de Julho, estou engajada em um compromisso sério com a minha casa e minha família. Estou destalhando e desapegando ( confesso que é um mega desafio)  de coisas que não uso mais. É verdade estou comprometida em organizar e manter esta organização como estilo de vida. Quando se tem filhos, a casa fica em segundo plano, e organizado os espaços fica mais fácil de controlar está eterna e deliciosa mudança, até mesmo para curtir mais a família, porque passar o fim de semana e qualquer feriado para organizar e arrumar a casa ninguém merece! Então comecei a pesquisar algumas dicas de dois blogs sobre organização que amo de paixão que são  Organize Sem Frescuras da querida blogueira Rafaela Oliveira,  e o blog Vida Organizada da fofa Thais Godinho. Amo estes dois blogs tem muitas dicas, muitos incentivos e super completos para quem quer manter ou começar a se organizar, vale a pena passear por lá.
Então hoje com a ajuda do OMO, o aliado predileto das mulheres que valorizam seu tempo e seu dinheiro,  vamos ter algumas dicas de como organizar a sua LAVANDERIA.


Dicas para organizar uma lavanderia com charme e funcionalidade

Organizar a lavanderia pode ser um ótimo jeito de ganhar espaço e facilitar as várias tarefas domésticas como lavar roupa, passar e limpar.  Além de deixar os produtos de limpeza e outros acessórios mais organizados, as dicas abaixo vão deixar qualquer área de serviço com muito mais charme. Não deixe de ler!

  

                                                *Comece a organização pelos armários

É muito fácil acumularmos tranqueiras nos armários da lavanderia. Dependendo da casa não são apenas os produtos para a roupa ou limpeza que recheiam as prateleiras da área de serviço. São sacolinhas de supermercado, produtos para lavar e limpar o carro, ferramentas e outras tralhas que às vezes encontramos dificuldade em armazenar em outros cantos da casa.

Por isso, avaliar o que está no armário é uma excelente maneira de começar a arrumação. Tire tudo o que está dentro e descarte o que não tem mais uso ou produtos que passaram há tempos da validade.

Depois, uma ótima estratégia para deixar tudo arrumado por muito mais tempo é organizar os itens por categorias dentro de caixas plásticas ou cestos de vime.

Portanto, em uma delas você pode colocar os produtos para a roupa que estão em uso, em outra seu estoque de sabão, amaciante, etc. Faça o mesmo com os produtos de limpeza. E lembre-se, sapateiras de parede são uma ótima opção para guardar miudezas como luvas plásticas, escovas, buchinhas e outros acessórios menores, que quando expostos dão aquele ar de bagunça na lavanderia.

Uma outra opção prática são as cestinhas de ventosa que você pode colocar junto ao azulejo do tanque sem precisar perfurar a parede. Por ser de plástico, também há a vantagem do material não enferrujar.

Já para melhorar a questão do espaço, faça uso de ganchos nas paredes. Estes são acessórios baratos e fáceis de encontrar nas lojas de utensílios domésticos. Vassouras, rodos e pás de lixo, por exemplo, são itens que ficam muito melhor pendurados na parede.  O mesmo vale para o ferro e a tábua de passar. Nas lojas de bricolagem é possível encontrar suporte de parede para deixá-los pendurados.



                                                        *Invista no charme com ideias simples


  
Você não precisa gastar muito para embelezar a lavanderia. Algumas ideias simples podem dar todo um charme a sua área de serviço. Uma nova tendência é colocar alguns produtos e utensílios em potes de vidro. O sabão em pó e os pregadores, por exemplo, ficam bem bonitinhos expostos e podem acrescentar um visual bem legal à bancada da lavanderia. 

As cestas de vime também ajudam a acrescentar beleza e são ótimas opções para ampliar o espaço de armazenamento. Versáteis, você pode usá-las de diversas maneiras e de acordo com as suas necessidades. Se tiver espaço, por que não usar cestos de vime também para separar a roupa suja por cores? E que tal usar o quadro de força para criar um mural de recados? Você pode cobri-lo com um tecido adesivo e usar o espaço para pendurar seus lembretes com imãs.

E claro, algumas plantinhas como violetas, margaridas ou folhagens também ficam super bem na área de serviço. Se quiser caprichar um pouco mais, você pode escolher um tapete para o chão e até colocar alguns quadrinhos temáticos na parede, como os da foto abaixo.










                                     *Veja a seguir mais algumas ideias para se inspirar:















  

Encontre-me também nas redes sociais:
BLOGGER• FACEBOOK • INSTAGRAM 
@seujeitosuacasa



sexta-feira, 27 de junho de 2014

22 inspirações de Varanda

Para começar bem o fim de semana que tal  algumas dicas e inspirações para você dar aquela repaginada na sua varanda? Pois é,  não podemos esquece-la, além do mais porque daqui é pouco já é primavera, hora de reunir mais com os amigos em um clima super tropical que o nosso querido Brasil oferece e não podemos deixar este espaço gostoso fora do contexto funcional, arquitetonicamente falando e aconchegante. Então bora se inspirar para este novo projeto, planejando bem a VARANDA!

Confesso que minha Varanda está precisando URGENTEMENTE de uma reforminha, e vou aderir como desafio para este projeto ficar gracinha para o verão. Pensando nisso olhem que coisa mais linda estas que encontrei por aí...

Nas varandas de hoje, observei que tem muito mais verde, e pra quem é adepto a consumo natural de algumas hortaliças,  pode até pegar algumas dicas já postadas aqui no blog para desenvolver a sua própria horta vertical.
























Encontre-me também nas redes sociais:
BLOGGER• FACEBOOK • INSTAGRAM 
@seujeitosuacasa



segunda-feira, 23 de junho de 2014

Cobogó, a bola da vez.


Sabe aqueles elementos que parecem "tijolinhos vazados', que o formato dos vãos variam de abstrato ou de  formas geométricas dando o visual em formato de flores, que a gente encontrava muito em  jardineiras, paredes e muros na casa das nossas avós? Cores do tipo " azul fusquinha", "amarelo bebê" e "rosinha"? Pois bem, eles voltaram com tudo na decoração! Cheios de charme, em diversas cores e desenhos, os "tijolinhos" tecnicamente conhecidos como COBOGÓ, estão com tudo nos projetos arquitetônicos atuais.
O queridinho da década de 60 voltou com todo vapor, não somente pelos efeitos originais mas pela realidade dos projetos arquitetônicos nos dias de hoje,  ambientes reduzidos atrao soluções inteligentes, como em apartamentos, sendo utilizado como divisor de ambiente esse tijolinho inicialmente feito de cerâmica, hoje em dia já é confeccionado com diversos materiais como, vidro, porcelana, madeira entre outros.  
E atualmente os projetos com estes elementos não vem sendo mais aplicado somente para dividir ambientes, mas para fazer parte de todo elemento da decoração, permitindo maior iluminação e ventilação,  deixando o ambiente cheio de personalidade e atrativo.
Você sabia que o nome COBOGÓ foi desenvolvido por três Engenheiros brasileiros? Pois bem, a ideia destes três "artistas" surgiu através da necessidade de aliviar altas temperaturas nas construções nordestinas. Amadeu Oliveira COimbra, Ernest August BOeckmann e Antônio GÓis, o nome COBOGÓ vem das iniciais dos sobrenomes de cada um. Além disso o Cobogó é um elemento de apelo sustentável, partindo de que o uso prioriza iluminação e ventilação natural. Abaixo algumas idéias para aplicação dos mesmos.



  

 

Utilização como elemento decorativo em diversos ambientes, ideias criativas  e funcionais. 
Seja como porta controle remoto,  elementos decorativo sobre uma parede
 já existente e até como lateral de uma banca de atendimento.






Encontre-me também nas redes sociais:
BLOGGER• FACEBOOK • INSTAGRAM 
@seujeitosuacasa